Depoimentos

Registro dos depoimentos de clientes sobre a impressão pessoal do Método de Intervenção Terapêutica ADI/TIP (Método da Abordagem Direta do Inconsciente/ Terapia de Integração Pessoal) – 1997 a 2010.

Quer contar sua história? Preencha ao lado o box de DEPOIMENTOS e compartilhe aqui sua experiência

03/06/2008

Belo Horizonte, 03 de junho de 2008

Meu nome é Karine, tenho 34 anos, sou de Itajubá, Sul de Minas. Entrei sem esperança, isolamento social completo, vida social parada, pensando mais uma tentativa…

Confesso que no Tiptron ainda pensava assim, mas pensava: “tenho que me esforçar, talvez esta seja minha última chance de livrar-me de tanto sofrimento, de tantos traumas”. No visiontron algo já começou a mudar dentro de mim, teve um dia que tive a sensação de levitar ao entrar no inconsciente. Tive momentos difíceis também, afinal estamos “mexendo” nas feridas. Mas chegando as mãos da Dr. Célia, senti-me renovada e com forças. Estou alegre por ser eu mesma, mas vou interagir de maneira positiva comigo e com os outros. Agradeço a Jesus fonte de todo amor. A vida vale a pena.

Agradeço a Dr. Renate,a Dr. Celeida, Dr. Célia, Dr. Luiz Carlos, Dr. Fernanda, Anete, Júnia e a todos que participaram da minha cura e em especial a minha cunhada Tânia que me estendeu as mãos e me reergueu neste momento da vida. A vida vale a pena, somos livres em nossas escolhas, criaturas de Deus amor, cada ser é único e especial…

Karine

27/01/2008

Há quatro anos venho me tratando de uma “fibrose pulmonar” desconhecida. Desde então venho tomando remédios muito fortes como corticoides, em doses altas, pois a doença já estava em estágio avançado de evolução, juntamente com quimioterapia.

No final de 2007 cheguei a pensar no transplante. Foi então marcado para o dia 27/01/2008 e foi aí que comecei a correr contra o tempo e me agarrei totalmente na ADI, que imaginava seria a minha única cura. Hoje não tenho mais fibrose e estou curada física, psíquica e espiritualmente.

Obrigada a equipe da ADI e Dra. Renate! Que continue trazendo a cura para os mais necessitados.

Juliana Aparecida

06/08/2007

Gostaria de deixar algumas palavras sobre o tratamento da ADI que fui submetida em agosto/setembro de 2007 (1º fase).

Quando iniciei o tratamento possuía distúrbio Bipolar, depressão, TOC e viva com as atitudes e uma idade mental de uma criança de 5 anos, mesmo na época possuindo  45 anos de idade e sendo mãe de 3 filhos, Gabriel hoje com 25 anos, Artur, hoje com 23 anos e Carolina hoje com20 anos. Fui casada durante 22 anos com um homem muito bom que soube me amar e suportar todas as minhas crises de depressão e dos altos e baixos da bipolaridade, pois foi diagnosticado a raiz do problema e cortado de mim para que não passasse par aos meus netos, foi descoberto também a raiz do problema do TOC e eu passei a mudar meus hábitos e hoje, após 2 anos de termino do tratamento vivo livre do TOC, como sou uma pessoa equilibrada, ate mesmo minha menstruação ficou regular. Passei a gerir minhas finanças, que há muito andavam totalmente desreguladas pelos altos e baixos da bipolaridade, entre uma compulsão e outra. Hoje estou há 2 anos conseguindo me manter com o que ganho, gastando apenas o que posso e vivendo comedida para ir pagando os cartões de credito e os empréstimos nos bancos que ainda estou devendo, mas pelo menos hoje estou pagando os empréstimos e antes que eu vivia com um saldo devedor de 600 reais, não tendo condição de pagar nada nem mesmo minhas contas mensais de casa. Hoje pago todas as contas da minha casa, claro, reduzi os gastos para o mínimo necessário e ainda vivo com um valor mensal para mim de 100 reais para comprar o que quiser. Isso para mim e meus filhos é uma vitória, porque eles não acreditavam mais que a mãe tivesse jeito. Hoje sou exemplo para eles de uma pessoa madura e equilibrada, coisa que antes não era. Na 1ª fase da ADI eu cresci praticamente 40 anos e me livrei da bipolaridade, do TOC, da depressão e muitas influencias que carregava dos meus antepassados. Foi cortado este vinculo e eu pude ser eu mesma e crescer bastante.

Na 2ª fase da ADI, em que fiz sete sessões de terapia, em maio de 2009, com  47 anos, pude amadurecer muito e conhecer melhor os talentos que Deus me deu. Libertei-me de um medo de galinha que confusamente havia adquirido e pude ajudar bastante meus familiares, pois sou uma pessoa extremamente sensível. Vi também a possibilidade de retirar gradativamente os remédios que tomo desde 1993, quando tive a primeira crise de depressão. Procurei minha medica neurologista e de acordo com que lhe relatei das duas fases do tratamento ela concordou com a retirada gradativa dos medicamentos. Hoje sou uma pessoa profundamente feliz e realizada comigo mesma. Muito feliz com meus filhos e com meu trabalho.

É, realmente a ADI transformou minha vida!

Hoje sou uma nova Conceição, após a ADI.

Agradeço imensamente a Deus por ter colocado este tratamento na minha vida, após vários anos de luta contra meus males, e agradeço também a todos os profissionais envolvidos na ADI, para que perseverem neste caminho, pois este tratamento é eficaz e revolucionário. Realmente somos curados de nossos traumas e males. Louvado seja Deus!

07/12/2004

Belo Horizonte, 07 de dezembro de 2004

Meu nome é Amaury Kaiser de Carvalho e Silva, sou de Alfenas/MG, e fiz um tratamento aqui na Tip-Clínica, pelo qual foi uma benção de Deus para mim e creio para com meus familiares. Foi uma abertura de horizonte, aqui em Belo Horizonte.

Agradeço a Dr. Renate e a todos os membros desta casa de Deus, onde nos sentimos abençoado e conhecendo pessoas de todo lugar do pais e de outros lugares do mundo.

A todos da Tip Clínica, o meu muito obrigado e que Jesus ilumine a todos!!!

Vocês são D+!

Jesus está no meio da Tip Clínica

Muito Obrigada!

Deus é + !!!

Amaury Kaiser

19/11/2003

Belo Horizonte, 19 de novembro de 2003

Eu, Pe. Mario Alves de Torres, 44 anos, Pernambucano, estava passando por momentos difíceis, não estava me encontrando como pessoa, e estava com dificuldades para escrever as minhas funções Sacerdotais. Daí foi que o meu Bispo diocesano Don Bernbardino Marchió, mandou-me a Tip Clínica para esse tratamento, houve rejeição de minha parte até que de inicio dificultou no tratamento. Mas hoje posso dizer que valeu a pena e que sou uma pessoa totalmente renovada. Pronto para recomeçar.

Um outro ponto que levo de positivo além do tratamento é a experiência dos profissionais, a sua espiritualidade, compreensão, dedicação…e fico me perguntando quantas vidas aqui foram salvas? Quantas estavam no fundo do poço e hoje estão ai testemunhando e felizes da vida. Assim foi eu, amanhã será você. Acredite no trabalho destas pessoas que aqui estão, não são elas que querem, é Deus que quer te salvar. Porque Ele te ama, acredite nisso meu irmão, minha irmã e vá em frente. Eles (as) são instrumentos, estão simplesmente retribuindo a Deus os seus talentos (Dons) que foram confiados. Quantas pessoas voltaram à casa do Pai, que quer que todos tenham vida…hoje eu tenho esta vida.

Meus agradecimentos a todos a todos que fazem esta clinica, que eu diria, não clínica, mas “ casa da nova vida”, porque estava perdido e fui encontrado. Meu agradecimento especial.

Dr. Renate, Dr. Sônia. Dr. Eunides, Jerusa, Lucinéia…Um abraço, espero que um dia voltemos a nos encontrar, não para tratamento mais, (mas se preciso farei), mas pela amizade e carinho de vocês.

Ao meu Bispo Dom Divino, o meu muito obrigado.

Pe. Mario Alves Torres



Depoimentos

Deixe aqui seu depoimento ou comentário. Queremos ouvir sua história.

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Novidades - Fique por dentro de tudo o que acontece na TIP Clínica.

[contact-form-7 404 "Not Found"]